Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
VACINAÇÃO ASSISTIDA EM BOVINOS DE ZERO A 24 MESES PDF
Sex, 17 de Novembro de 2017 15:33

 

VACINAÇÃO ASSISTIDA EM BOVINOS DE ZERO A 24 MESES

Nesta sexta-feira, dia 17 de novembro de 2017, a Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri), realizou a vacinação assistida contra a febre aftosa dos bovinos de 0 a 24 meses e a atualização cadastral das demais faixas etárias por idade e sexo dos bovinos existentes na propriedade do Sr. Chico Queiroz localizada no município de Fortaleza, bem como realizou a atualização dos demais dados cadastrais e espécies existentes em sua propriedade.

O período estabelecido para a realização da 2ª etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa é de 03/11/2017 a 02/12/2017 no Estado do Ceará.

A vacinação assistida é realizada pelos proprietários dos animais sob o acompanhamento de fiscais estaduais agropecuários e agentes estaduais agropecuários da ADAGRI. Segundo normas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), a vacinação assistida pode ocorrer com objetivo de orientação, assistência a comunidades carentes, áreas de risco sanitário ou de fiscalização, e possibilita ao serviço oficial - no Ceará representado pela ADAGRI - certificar a aplicação da vacina nos bovídeos em determinada propriedade rural.

A responsabilidade de manter atualizadas as informações do cadastro na ADAGRI é dos proprietários e produtores rurais, conforme estabelecido na legislação de defesa sanitária animal. Entretanto, a manutenção do cadastro exige dos responsáveis pelos núcleos locais – NLs, uma postura proativa em busca do correto cumprimento das atividades de atualização.

O prazo para os produtores apresentarem as respectivas declarações de vacinação e atualização de seus rebanhos nos escritórios da ADAGRI e escritórios de atendimento à comunidade - EACs, é no prazo de até 15 (quinze) dias, após a realização das mesmas.

O produtor ou vacinador, após a realização da vacinação, deve se dirigir aos escritórios da ADAGRI e EACs para apresentar a Declaração de Vacinação e por ocasião do preenchimento da declaração, deverão ser colhidas informações como a quantidade de animais de outras espécies existentes naquela propriedade.

O cadastramento de propriedades rurais representa uma das bases do sistema de defesa sanitária animal concebido em nosso País e sua existência e manutenção são condições necessárias para classificação qualitativa do serviço veterinário oficial e inclusão em zonas livres de doenças como, por exemplo, a febre aftosa.

A qualidade do cadastro determina o grau de confiabilidade do sistema de informação. Representa uma atividade dinâmica e contínua, ou seja, uma vez constituído deve ser regularmente atualizado.

 

 

Ana Gláucia Carneiro Melo Gonçalves e Pedro Chagas de Oliveira Neto

Fiscais Estaduais Agropecuários

 

Luiz de Oliveira Costa Júnior

Gerente de Comunicação

Última atualização em Sex, 17 de Novembro de 2017 15:47
 

Calendário

Decembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6